Xingatório da Imprensa

maio 10, 2004

Filed under: Uncategorized — elpydiophragoso @ 1:47 am

Efeito retardado

Paulo Maluf não poderia esperar que o truque mais velho do mundo surtisse tanto efeito. Os jornais deste domingo dão destaque para sua declaração-factóide de que, se existir dinheiro em seu nome no exterior, este “é de quem encontrar”. O Estado de S. Paulo estampa chamada na primeira (“Maluf: quem achar conta fica com o dinheiro”). O Globo coloca título no alto da página (“Maluf: quem achar contas em paraísos fiscais poderá ficar com o dinheiro”). Há muito tempo grande parte da imprensa vive de frases de efeito. Mas, neste caso, a frase não é apenas um deboche; sugere algo infactível. É óbvio: o destino do dinheiro, se este existir, foge ao controle de Maluf. O efeito, no caso, foi outro.

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: